quarta-feira, 18 de novembro de 2009

À procura do companheirismo



Sem querer  começar o texto de maneira filosófica, mas já começando, companheirismo é uma questão de lógica e atenção. Saber escolher suas companhias pode ser decisivo na hora do senhor destino escrever no diário da vida de cada um de nós. O da minha vida, sem sombra de dúvidas, está escrito totalmente de maneira aleatória. Eu, assim, como você - suponho - , topei com pessoas que não escolhi para me fazer companhia - elas simplesmente chegaram. O meu nesta história foi apenas delimitar cada qual ao seu lugar. Fui lógico -   e direto. Sempre quis entender o porquê dessa insistência do destino em querer pôr as pessoas erradas ao meu lado. Cansei de quebrar a cara com amizades fúteis, que para mim eram as melhores. Cansei de perceber que companhias podem nos fazer (muito) mal em alguns casos - tenham em mente uma sala de aula, combinado com aquela prova devastadora de matemática e, bem do seu lado, não te deixando concentrar, aquela companhia.
Aprendi a ser mais seletivo quanto às minhas parcerias. Fui atento.
Companheirismo seria algo que, se bem demonstrado e vivido, é digno de um pedestal. Ou um pódio, em primeiro lugar. Ou um oscar, por "Melhor Demonstração de Afeto".
À propósito, minhas companhias nem sempre tem tanto contato físico. Querem um exemplo nítido de companheirismo bem real? Os comentários em um blog - ou vai me dizer que você nunca se sentiu feliz ao perceber que o que escreve está sendo acompanhado por alguém?! Pelo menos eu me sinto mais perto dos meus leitores quando recebo um comentário do que daquela amiga falsa que insiste em estar ao meu lado, mesmo depois das verdades ditas e das mentiras reveladas.
Convenhamos, companheirismo vale a pena quando é preciso e bonito. Eu aceito um, sincero, verdadeiro e real, já que é sempre difícil vermos aquela parceria perfeita sair das telinhas e telonas para um mundo que, mais do que nunca, precisa de companheirismo entre as nações.




º º º



* Pauta para o Post It - Edição 25: Companheirismo.






***

E aí gente, beleza?
Desculpa pela ausência do blog por todo esse tempo - cinco dias.
Tô com um projeto pra apresentar amanhã e sem tempo pra quase nada.
Ah, gente, ganhei no Post It em primeiro lugar! É claro que a concorrência era pequena - ok, dois textos -, mas era concorrência! E ganhei! Legal , né?
Gente, atualizar na sexta só, se não no sábado.

Beijos, abraços e até a próxima!

5 pseudocomentaram:

Juliete disse...

Oii!
Adorei o teu texto. Sério, pra mim é o melhor.
Gostei muito do teu blog tbm e qto ao assunto "companheirismo", bem, acredito que vale ser colocado em um pedestal tbm. Amizades falsas existem aos montes mas um amigo de verdade e companheiro, pode-se contar nos dedos.

Bju =D

http://cordrosachiclete.blogspot.com

Erica Ferro disse...

Nada melhor do que se sentir (e de fato ser) bem acompanhado, né? ^^

Parabéns pela vitória PostIt! Sua pauta tava ótima mesmo, viu? ^^
Gostei muuuito!

E em relação a pessoa que eu tava com saudades, quase morrendo, ela me visitooooou!
Fiquei tão feliz, hehe.

Beijo, Tiêgo.

' Yasmin disse...

Companherismo é bom, fundamental, ainda mais quando é sincero, sem querer nada em troca, sem a tensão do toma lá da cá. Este sim vale a pena e tem várias formas. Mesmo com pessoas que não conechemos.

http://yas.carly.zip.net/

rrodrigues. disse...

ouhaeo obrigado mesmo! Eu não vou ficar esperando, porque se não sair, ficarei triste. :(

Anyway, é um bom exercício fazer textos com as pautas que vão saindo. Assim você já sabe como são os temas e os formatos do texto. Pena que não vi isso antes. Fiz merda em vários textos. ueahoiu

Beeijo!

Mary disse...

Gosto da companhia das pessoas... Mais ainda daquelas que querem estar em minha companhia.

Bjs
=D
M.