segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Não há tempo que volte, amor! Vamos viver tudo o que há pra viver ♫

                                           Triste pela fim das férias, feliz pelo novo ciclo!


Não, não há tempo algum que volte, mesmo. Assim como as férias, que não voltarão tão cedo. Um período não tão longo, nem tão curto, mas bom o suficiente para nos fazer esquecer que há deveres para cumprir e compromissos a zelar consigo próprio - mesmo que não haka . Sentirei falta, confesso, dos meus momentos de ócio à tarde e da televisão em período integral das cinco e meia às oito horas, mas me despeço destes momentos com a sensação de missão cumprida. Sabe quando você sente que fez o que deveria fazer? Quando o tédio não conseguiu te consumir totalmente em nenhum momento? Quando você sabe que curtiu ao máximo seu stop-for-rest? Pois é, é exatamente assim que eu estou me sentindo. Sei que não fui lá o exemplo de pessoa o tempo todo, mas pelo menos fiz a minha parte e não em descuidei, em nenhum momento, de mim. Entre lavar roupa e jogar vôlei, existiram muitas coisas para serem feitas e muitos problemas a serem resolvidos, afinal, problema não dá descanso em tempo algum, não é mesmo? Mas enfim, eu posso afirmar sim que vivi intensamente cada segundo das minhas férias. Raramente reclamei de não ter nada para fazer e quando não tinha, procurava logo algo com o que me ocupar. Reinventei completamente a minha vida sedentária e chata que se seguiu durante anos em minhas férias. Até dieta eu cheguei a fazer, combinada com exercício físico! Tudo bem que não deu lá muito resultado, mas mas valeu o esforço, porque diminui dois quilos e já é uma vitória tremenda pra mim, que nunca tinha tentado algo do tipo. Não abandonei meu blog nem quando fiquei sem computador por uma semana e eu tive a certeza que não vou abandoná-lo nunca, ainda mais agora que ele completou seu primeiro ano 'de vida', com direito a semana exclusiva e tudo o mais! E além disso, conheci pessoas, fiquei com algumas pessoas, diverti-me com pessoas e também me decepcionei com muitas pessoas. E descobri um modo ótimo de passar de passar o tempo: escrevendo! Até comecei um novo livro! E graças ào dom da escrita que eu felizmente possuo, fui indicado ao prêmio Melhores do Ano no Blorkutando, devido às minhas nove vitórias neste primeiro semestre de 2010. Que felicidade!

Falando em semestre, como esse passou rápido, hein? Mal pisquei os olhos e agosto bateu à minha porta! E tudo, a partir de amanhã, recomeçará - literalmente. Já sou metade formado na escola e faltam apenas as cinco últimas matérias para eu sair com o Certificado de Conclusão do Ensino Médio em mãos. E que disciplinas essas, hein? Estudarei os terrores de nove em cada dez estudantes: química, física e matemática. Sem contar sociologia e geografia, que também não são nem um pouco preferidas da galera. Vou me esforçar ao máximo este semestre na escola para poder me sentir um pouquinho mais preparado para o vestibular de verdade, que se aproxima cada vez mais. E some isso ao ENEM mais meu quarto nível - e o mais difícil - do curso de francês. Cada vez mais desafios, cada vez mais obstáculos para ultrapassar. Com toda a minha determinação e coragem, será fácil driblar tantos motivos de desânimo. Só espero, mesmo, que meu coração não invente planos para o meio do caminho, porque eu definitivamente não estou preparado para mais amores conturbadores e complexos. Ainda mais num período tão complicado e decisivo na minha vida!

As férias foram ótimas, as expectativas estão à mil neste novo período em minha vida, e ainda arrumo um tempo para desejar à você, leitor, também tenha um desenrolar de semestre espetacular. A vida sempre fica melhor quando se enxerga o lado bom das coisas. Aprenda a se jogar no otimismo, não deixe as esperanças de lado. Eu sei que para alguns de vocês, assim como pra mim, está sendo um tanto difícil retornar à esse microcosmo abençoado que é a vida rotineira de estudante, trabalhador, atleta ou até mesmo de quem está à procura de um emprego. Porém, posso garantir que não há nada mais gratificante que ver o que você plantou agora dando frutos lá no final. As férias acabaram, mas a vida continua!

5 pseudocomentaram:

Natália disse...

Vamos nos permitir ♪ :D

@_jotaerre disse...

Vou deixar, a vida me levar, pra onde ela quiser, estou no meu lugar! (8)


Adorei! É isso mesmo, as minhas acabam dia 08. 09 começa tudo again, você terminando o Ensino Médio e eu praticamente na metade do meu curso universitário. Delícia de ano, delícia de férias :D


Beijos! :)

Manuela Cara De Panela disse...

tem coisa maTs triste do que fim de férias?
Cheguei na segunda e fui bombardeada de perguntas clichês: como foram as férias?
'Curtas!'
Nada mais a declarar.

beijos gatinho.

Vanessa disse...

Que bom que aproveitou bem as férias....não sei se fiz o mesmo hahaha
Desejo que essa fase final da sua vida escolar seja muito especial. Aproveite intensamente!

Nath disse...

Fim de férias dá uma tristeza mesmo
O lance é aproveitar bem tudo na nossa vida
Gostei do seu texto,bem legal (: