terça-feira, 5 de abril de 2011

Meu futuro? AS LETRAS!



Eu poderia ser advogado. E defender os injustiçados que buscam mais do que tudo provar sua inocência.
Eu poderia ser médico. E cuidar dos enfermos fragilizados pela dor das doenças.
Eu poderia ser policial. Ah, não, não poderia não, risos.
Eu poderia ser ator. E incorporar mil e uma facetas incrustadas em mim mesmo.
Eu poderia ser até designer. Se um acaso imenso do destino não tivesse me empurrado pra minha vocação.

Mas diferente de tudo isso, contrariando meio mundo que imaginasse que eu pudesse seguir uma das carreiras acima, escolhi aquilo que me faz feliz, aquilo que me desperta pra qualquer coisa e que me faz entender que o mundo tem sim um pouco de sentido: as palavras.
Desde que me entendo por gente, sempre fui apaixonado pelas letras, pelas frases, pelas sílabas e fonemas. Nada no mundo me fascina mais do que o poder sedutor que a linguagem me proporciona. Sinto-me tão a vontade com as palavras, tão incrivelmente envolvido com elas que a nossa relação chega a ser quase uma história de amor. Não não, ela É uma história de amor. Mais do que qualquer outra que eu possa ter vivido.
Sabe, lindos, essa semana foi crucial pra que eu tivesse ainda mais certeza do que eu quero. Primeiro, porque pra quem ainda não sabe, começarei a universidade em agosto e cursarei Letras/Francês e desde já estou exercitando e procurando conteúdo sobre o curso. Por puro prazer. Segundo, porque PRA QUEM NÃO SABE 2, GANHEI O BLORKUTANDO DE OURO no prêmio Melhores do Ano no qual concorria nas categorias blog e blogueiro do ano! Fiquei tipos, FELIZ ATÉ OS OSSOS! Caramba, há um ano atrás eu sonhava em estar DISPUTANDO o prêmio e de repente, eu ganho o prêmio principal! Isso foi um incentivo ainda maior pra que eu continuasse a escrever e acho que decididamente se passou pela minha cabeça deletar este blog por falta de comentários ou coisa parecida, JAMAIS pensarei de novo. Ou pelo menos não tão cedo. E em terceiro, comecei meu primeiro trabalho como revisor textual e nunca me senti tão bem fazendo uma coisa séria - mesmo que pra um amigo. Tudo me empurra pras letras. Não me importa se eu for professor, colunista de jornal ou revisor textual. A carreira que eu seguir terá que mexer com palavras e eu já decidi isso! E É LÓGICO, antes de morrer aguardem um livro meu na prateleira da livraria mais próxima. Porque né, depois de todo esse apoio com meu jeito de escrever, tá difícil esquecer de criar vergonha na cara e escrever uma coisa que me faça querer publicá-la a todo custo. TODOS VOCÊS ME LERIAM ATÉ SE EU FALASSE DE SEXO, NÉ? hahaaha

Depois desse post demorado e todo simplinho, vou me despedindo porque tô até a alma de coisa pra terminar e vocês nem imaginam a loucura que tá a minha vida por causa da viagem e do francês. Mas não vou esquecer daqui não, logo mais tô voltando com algo mais sério ~~e produtivo~~ pra vocês. Até mais!

Do seu escritor-aspirante,

8 pseudocomentaram:

Jeniffer Yara disse...

Own que LINDO ver a certeza do que você quer Ti!
Parabéns pelos ganhos de agora,tenho que certeza que virão mais ainda,e é claro que eu leria qualquer coisa que você escrevesse,haha

Beijos

Italo Stauffenberg disse...

parabéns pelo BK, meu querido!
esqueceu que poderias ser um belo jornalista? especializado na mídia cor de rosa?

^^

abração!

Ana Lu disse...

Ai, também sou apaixonada pelas palavras e pelas lindas mensagens que elas se tornam quando estão juntas! *_*
Espero que você se dê muito bem na profissão! Tudo o que é feito com amor compensa, né?
E parabéns pelo prêmio no Blorkutando!
Beijos

Deyse Batista disse...

Tiêgo querido, você sabe que eu sou super suspeita pra falar de Letras, estando eu quase saindo do curso. Então o que eu posso te dizer é que te desejo muita muita sorte mesmo, paciência que você vai precisar porque o início não é fácil - então, calma, porque por mais que demore, você vai encontrar em Letras todo esse amor que há dentro de ti :)

Beijo!

Babizinha disse...

Ah, eu já lhe parabenizei via twitter, mas repito, você merece, Tiêgo!
Você é uma pessoa maravilhosa e um "escritor-aspirante" digno de ter muito sucesso!

Beijos
:*

Jota disse...

você merece, você merece (8)

quem sabe rola uma facul de jornalismo hein? Pensa nisso!

Leila Ice Girl disse...

Tiêgo eu fiquei orgulhosa de você agora, bom, eu conheço muitas pessoas que estudam letras e já ouvi de uma dessas pessoas, uma mestranda inclusive, que nunca leu um livro todo, então parabéns, gostar do que faz é essencial para o sucesso que eu tenho certeza que você vai ter, e parabéns pela sua maturidade, guri, é sério, poucos meninos da sua idade tem essa cabeça (sei, pareço a tia chata agora, mas ok).
eu espero está na primeira fila para receber um autográfo no seu livro.
Beijos.

Kamilla Barcelos disse...

Quase que fiz Letras na UFU, mas ainda achei que não seria a hora. Tenho ainda vontade de fazer Letras, mas estou fazendo Direito! Me vendi ao sistema! haha Gosto muito de te ler. Parabéns pelas suas conquistas e pode ter certeza que virão mais!